Flora

As quase 60 plantas vasculares endémicas, muitas delas pertencentes às relíquias do Terciário das laurissilvas, tornam os Açores um interessante jardim botânico natural para todos os que se interessam por plantas.

Cedro-do-mato, urze, queiró, uva-da-serra, pau branco, gingeira brava, sanguinho, vinhático, tamujo são algumas das espécies locais a que se vieram juntar, desde o início do povoamento no séc. XV, outras plantas para a alimentação, a produção de madeira ou para responder ao gosto dos açorianos pelo colorido das flores.